Dança Intuitiva

para mulheres

Dançar é a minha medicina, e tem sido importante compartilhar esse aprendizado com outras mulheres. A jornada da Dança Intuitiva começou na Bahia, em uma casa afetuosa com jardim, pé de lima e duendes no rio vermelho. Tem acontecido sempre em casas de Mulheres, e é um convite para o que chamo de "escuta de si em movimento".

"Dançar com as águas, ser árvore, realizar vôos cósmicos, respirar profundamente, intuir em contato com outras mulheres. "  

 

Contate-me

Deixe um recado ou siga-me online

Você está querendo saber mais sobre o meu trabalho ou indicar um tema para novo post? Fique à vontade de deixar o seu comentário ou compartilhar ideias.

Contate-me...

três dias mergulhadas na imensidão de sermos nós mesmas. contemplamos o amanhecer, reverenciamos oxum, entoamos cantos de poder ao redor do fogo, movemos nossos corpos juntas, cheiramos a terra, gargalhamos, choramos, encontramos as nossas crianças, reverenciamos as nossas anciãs. obrigada mulheres!

imersão casa do rio, buraquinho - bahia.

uma matilha, um bando em revoada. algumas vestidas de lua, outras saem girando à sombra de uma anciã. a terra se espalha, os olhos faíscam. elas mergulham no mato, plantam sonhos, depois colhem as flores. todo instante é só presença enquanto houver dança. dança pra curar, pra celebrar as mortes ou cultuar a vida. semeadura de novos tempos. sopros de poeira estrelar enquanto giramos em volta da fogueira. alguém fez soar um canto de poder, vamos fazer circular, e tecer, & criar. 💎
~ mulheres, abram os ouvidos! os pássaros foram levar convites oníricos pra esse encontro de amor.

🌌🌕 aqui vamos nós mais uma vez.

vagas limitadas!
asè!

arte da talentosa @luma__flores


Dez. 2018, Bahia.

Pedi licença para voltar a minha terra, pisando primeiro em solo sagrado, entregando o que tenho aprendido caminhando por aí a fora, e por fim agradecendo profundamente. Shai registrou com toda poesia esse momento, tão especial e único, onde realizei mais uma experiência da Dança Intuitiva para Mulheres, em uma quarta-feira de Iansã e Xangô, no terreiro do Ilê Axé Opô Afonjá. Terminar o ano assim, com mais de vinte mulheres de mãos dadas, dançando em território de resistência, é afirmar nossa ancestralidade, e o nosso direito de (re)existir. Esse dia fomos o que somos: mulheres de poder, mulheres medicina, a própria cura. Nós não temos medo, e vamos seguir.

obrigada ao programa Flotar e a Secult Bahia
Shai e Gabriela Palha pelos registros
Lena Bahule, deusa que nos presenteou camadas sonoras sublimes!
E à comunidade do Ilê Axé Opô Afonjá por abrir as portas e nos abençoar. 


Foi hoje, essa última quinta do ano, que escrevi esse texto, e logo depois recebemos a notícia de sua partida, obrigada Mãe Stella de Oxóssi, Okê Arô!

Inaê no Festival WOW - Mulheres do Mundo, Rio de Janeiro
Inaê no Festival WOW - Mulheres do Mundo, Rio de Janeiro

Esse final de semana aconteceu o Festival WOW! Mulheres do Mundo no Rio de Janeiro, e a @dancaintuitiva esteve presente abrindo esse encontro power com muito amor!

Mais de vinte mulheres, de idades e universos bem diversos, compartilharam e co-criaram um mundo, onde "mover com afeto" foi a nossa consigna. Experimentamos através do toque e do auto-cuidado fortalecer e conectar nossos centros de energia, e dançamos como medicina para sanar e fortalecer nossos corpos diante de tempos tão difíceis.

Me sinto imensamente agradecida ao @festivalwowrio por essa oportunidade!

photo: gabi carrera


Programa de Mobilidade Artística, Secult Bahia. 

Projeto "Corpo e Ancestralidade"

Oficina de Dança Intuitiva para Mulheres em Oaxaca e Cidade do México



Casa da Libélula - São Paulo
Casa da Libélula - São Paulo

Dança Intuitiva, Casa da Libélula. São Paulo


a linguagem do corpo é a intuição 

um movimento sem explicação que faz todo sentido. 

um corpo ri ou chora ri e chora 

é riacho de correr sentimentos, lembranças, esperanças... 

ou é corpo simplesmente corpo enraizado em si 

que se alonga para lembrar que crescer é para sempre. 

de dentro da superfície força brota corpo 

esquenta fogo a flor da pele para me lembrar que posso confiar. 

e uma brisa suave que nasce em meu centro vem me conduzir 

minha corpa é minha guia 

 soltando 

solta 

ando 

solta.ando 

(Lais Souza)


Dolores, 

quarta-feira - 30/05/2018

dançar intuitivamente é receber o toque, o axé, a energia que reside na palma da mão de uma mulher dançar intuitivamente é pisar a grama molhada; andar de olhos fechados; ser conduzida por pessoas desconhecidas dançar intuitivamente é sentir o movimento desse corpo que desenha comigo o que eu sou, mas desconheço seguir a intuição de que é preciso não ter medo, que eu também sou uma dança e que essa dança precisa se lançar pra fora de mim.



Rio de Janeiro, foto: Isabel Scorza
Rio de Janeiro, foto: Isabel Scorza

Dança Intuitiva - Rio de Janeiro